segunda-feira, 24 de outubro de 2016

AGORA É LEI: 31 de Outubro é decretado como o Dia Estadual dos Wiccanianos, Cultuadores do Sagrado Feminino, Pagãos e Praticantes das Artes Mágicas


No dia 13 de setembro de 2016 foi decretada e promulgada a lei nº 16.309/16, que segue:

Artigo 1º: Fica instituído o "Dia Estadual dos Wiccanianos, Cultuadores do Sagrado Feminino, Pagãos, Neopagãos, e os praticantes das artes mágicas", a ser comemorado, anualmente, em 31 de outubro.

Artigo 2º: Entendem-se como praticantes da religião Wicca os cultuadores do sagrado feminino, os pagãos, neopagãos e os praticantes das artes mágicas, bem como seus adeptos e simpatizantes.

Artigo 3º: A data instituída por essa lei passa a integrar o Calendário Oficial do Estado.

Artigo 4º: Essa lei entra em vigor na data de sua publicação.

Palácio dos Bandeirantes, aos 13 de setembro de 2016.

Geraldo Alckmin

José Roberto Neffa Sadek
Secretário Adjunto, respondendo pelo Expediente da
Secretária da Cultura

Márcio Fernando Elias Rosa
Secretário da Justiça e da Defesa da Cidadania

Samuel Moreira da Silva Junior
Secretário-Chefe da Casa Civil Publicada na Assessoria
Técnica da Casa Civil, 13 de setembro de 2016

Fonte: www.governo-sp.jusbrasil.com.br

No começo do ano, mais precisamente no dia 12 de janeiro de 2016, foi sancionada por Dilma Rousseff a lei 13.245, que decreta o dia 31 de Outubro como o Dia Internacional da Proclamação do Evangelho, onde nesse dia, "dar-se-á ampla divulgação á proclamação do Evangelho, sem qualquer discriminação de credo entre as igrejas cristãs".
A notícia passou despercebida e muitos pagãos não sabiam disso, não é?! Aos pagãos que a notícia chegou aos ouvidos, houve revolta. Mais uma vez, a ideia de país laico se foi pelo ralo e os adeptos "da religião universal" encontraram um jeito de massacrar-nos novamente.
No ano de 1890, a Igreja Católica e o Estado ficaram oficialmente separados, e instituía-se a liberdade de culto. Lembrando que, enquanto o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estava no poder de nosso país, ele sancionou a lei que decreta o dia 30 de Novembro como o Dia Nacional do Evangelho.
Dispensável dizer que, além de absurda e castradora, é incoerente a ideia de colocar o Dia da Proclamação do Evangelho no Dia das Bruxas - 31 de Outubro é mundialmente conhecido e festejado como tal!
Toda essa balburdia não passa de mais uma forma de controle e repressão daqueles que são diferentes e, por consequência, marginalizados. Mais uma forma de tentar calar nossas vozes.

Contudo, pagãos, neopagãos, adeptos e simpatizantes da Bruxaria reuniram-se e coletaram muitas assinaturas para então, conseguir por lei que esse dia fosse nosso, como nos é por direito. A princípio, a ideia era tornar o dia 31 de Outubro uma data municipal. Mas conseguimos ir além, e hoje, o dia 31 de Outubro é uma conquista estadual!
Não sou adepta de nenhum partido político nem tampouco faço propagandas políticas em meus trabalhos, porém nesse caso, não poderia deixar de citar a Deputada Clelia Gomes, que foi quem nos ajudou nessa conquista. Ela abraçou conosco a causa, até por também seguir um caminho espiritual e uma religião que é tida como marginalizada - Clelia Gomes é Camdomblecista!

Muito embora eu deixe o Blog largado as traças - sim, eu sei que deixo! - essa notícia não podia passar em branco.
Agora, podemos sair nas ruas, festejando nossa real diversidade, livres, sem medo, pois, se alguém nos disser algo pegamos nossa lei impressa, esfregamos na cara deles e digamos de boca cheia: AGORA É LEI!

Sejamos abençoados,
Aline Pandora.




Um comentário: